CURSO: CUIDADOR DE IDOSOS

SOBRE O CURSO

TURMA DURANTE A SEMANA (TERÇAS E QUINTAS)

HORÁRIO DA TARDE (DE 15:00 as 17:00h)

HORÁRIO DA NOITE (DE 18:00 as 20:00h

O Curso de Cuidador de Idosos, tem como objetivo, passar o conhecimento necessário que você precisa para cuidar bem, com mais saúde e muito carinho! O curso visa capacitar pessoas que estejam trabalhando ou pretendam trabalhar diretamente como cuidadores de idosos e ainda não possuam formação adequada. Oferecemos um banco de dados, com os nomes dos alunos que concluíram o curso de cuidador de idosos, scamos com o curso de cuidador de idosos, identificar cuidados específicos relacionados ao idoso e refinar o relacionamento entre profissional e paciente através dos conhecimentos ofertados. O cuidador é o indivíduo que presta assistência a pessoas de qualquer idade, sejam elas saudáveis, enfermas e/ou acamadas, em situações de risco e fragilidade. O curso pretende oferecer à comunidade de Fortaleza e aos municípios do estado do Ceará, em especial aos cuidadores e interessados, conhecimentos atualizados sobre as doenças que mais acometem a população idosa, os cuidados necessários para favorecer a manutenção da autonomia e qualidade de vida dos idosos, bem como sobre o papel legal do cuidador. O cuidador poderá ser a ponte de contato entre o idoso, sua família e os serviços de saúde ou da comunidade.

Nos últimos anos, em conseqüência de diversos fatores, como a melhoria das condições sanitárias e de acesso a bens e serviços, as pessoas têm vivido mais tempo. Os avanços na área da saúde têm possibilitado que cada vez mais pessoas consigam viver por um período mais prolongado, mesmo possuindo algum tipo de incapacidade. Diante da situação atual de envelhecimento demográfico, aumento da expectativa de vida e o crescimento da violência, algumas demandas são colocadas para a família, sociedade e poder público, no sentido de proporcionar melhor qualidade de vida às pessoas que possuem alguma incapacidade. Desta forma, a presença do cuidador nos lares tem sido mais freqüente, havendo a necessidade de orientá-los para o cuidado. Cabe ressaltar que o cuidado no domicílio proporciona o convívio familiar, diminui o tempo de internação hospitalar e, dessa forma, reduz as complicações decorrentes de longas internações hospitalares.

Para ser um cuidador de idosos é necessário fazer um curso livre de capacitação, cuja carga horária será de 160 horas.

MERCADO DE TRABALHO

A projeção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é de que em 2050 a população de idosos será de 63 milhões de pessoas. Em 1980 eram 10 idosos para cada 100 jovens, e em 2050 serão 172 idosos para cada 100 jovens, porque a esperança de vida ao nascer saiu de 43,3 anos, na década de 1950, para 72,5 anos em 2007, segundo o IBGE.

Desde 2001, o trabalho do cuidador de idosos é reconhecido pelo Ministério do Trabalho e está incluído na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), código 5162-10, mas ainda não existe a profissão de cuidador de idosos. Tramitam no Congresso três projetos de lei - dois na Câmara dos Deputados (PL 6.966/2006 e PL 2.880/2008) e um no Senado (PL 284/2011) - que visam regulamentar o trabalho do cuidador e torná-lo uma profissão. A regulamentação é necessária para garantir, por exemplo, que os cuidadores tenham um conselho profissional. "Hoje, se o cuidador comete um erro, básico, grave, doloso, culposo, quem vai fiscalizar se ele errou e também averiguar se não errou? Normalmente todo profissional tem o seu conselho, precisamos de um conselho para que possamos também fazer uma discussão maior, estabelecer a ética e a formação do cuidador, quais são as reais funções desse trabalhador, os cuidadores não têm sido ouvidos na elaboração dos projetos de lei e nas discussões do Congresso. Os deputados e senadores estão elaborando os projetos sem conhecer a realidade dos cuidadores.

O ideal é garantir a regulamentação e promover a associação dos profissionais em Associações, Conselhos e Sindicatos de forma a permitir a negociação desses pisos em acordo ou convenção coletiva. Já com relação à carga horária, a Senadora Marta Suplicy, defende o limite de 30 horas semanais desde que não inviabilize a contratação dos trabalhadores.  "É uma boa ideia a limitação em 30 horas com base nos argumentos que defendem essa jornada para os profissionais da saúde, e entendendo o cuidador de idoso como um profissional que se enquadra nessa definição. Todavia, é importante que não nos distanciemos da realidade. Se a fixação da jornada máxima em 30 horas inviabilizar a contratação dos cuidadores, prejudicando a empregabilidade do próprio profissional, a melhor saída é a livre negociação e o limite geral já previsto na CLT de 44 horas semanais com o pagamento de horas extras e do adicional noturno", pondera.

CONHECENDO O CUIDADOR

Amanheceu o dia e o cuidador já administrou os medicamentos em jejum de seu paciente, retira-o do leito com carinho e leva-o ao banheiro para acompanhar suas necessidades fisiológicas; atento ao banho, o cuidador limpa a pele do idoso com delicadeza, pois sabe de sua fragilidade cutânea, enxuga, coloca fralda, veste a roupa, hidrata a pele, beneficia-o com o banho de sol. Por vezes, tem que preparar em torno de seis alimentações por dia e óbvio, alimentar seu cliente dentro de suas limitações, ainda, acompanhá-lo nas atividades religiosas, culturais, nas consultas com profissionais de saúde, ser porta-voz das necessidades do idoso e, por que não, compartilhar emoções. Esse é um resumo paupérrimo da rotina de um cuidador, em poucas linhas não me atrevo em dizer que tive êxito, não por desconhecimento, como enfermeira, intitulo-me cuidadora, e sim, pela complexidade desta tarefa.
No site do Ministério do Trabalho encontramos: a descrição da função, as competências pessoais e as atividades desempenhadas pelo cuidador, assuntos discutidos, muitas vezes, em capacitações para esse profissional e que servem de norte para evitar excessos ou irregularidades nas relações de trabalho. Acredito que contravenções como: carga horária incompatível com o salário, horários de intervalos e descanso desrespeitados, são por desconhecimento da legislação relacionada ao trabalho doméstico por parte da população que contrata os serviços de um cuidador ou pelo simples fato de se transgredir a lei na certeza de não ser punido. Alguns desses acontecimentos de transgressão ouvimos dos cuidadores que convivemos, através do Curso de Cuidador de Idosos do qual sou facilitadora.
Neste sentido, a profissão de cuidador é uma das que mais cresce no Brasil, segundo IBGE, suas competências, sua importância no bem-estar do paciente, seus direitos, e acima de tudo o altruísmo ligado a essa profissão, devem ser divulgados nos meios de comunicação para que nossa sociedade que, está envelhecendo, possa conhecer e valorizar essa categoria que surgiu das necessidades básicas de todos nós: “sermos cuidados”.

VÍDEOS SOBRE O CURSO ANA NERY E O CURSO DE CUIDADOR DE IDOSOS

Programa Jornal da TV Ceará Canal 5 - Curso Ana Nery - Clique aqui

Programa Vocações - TV Metrópole - Canal 26 - Curso Ana Nery - Clique aqui

Programa Nossa Terra Nossa Gente - TV Ceará Canal 5 - Curso Ana Nery - Clique aqui

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

  • A sociedade brasileira e o idoso;

  • Postura ética profissional;

  • Perfil do idoso brasileiro: situação familiar, social, educacional e econômico-financeira;

  • Legislação;

  • Manejo postural (transferência e posicionamento adequados (no leito, sentado, deitado e em pé);

  • Prevenção de úlceras por pressão;

  • Auxílio para a locomoção nas diversas condições (muletas, andadores, cadeiras de roda, etc.);

  • Aspectos anatômicos e fisiológicos do envelhecimento;

  • Doenças relacionadas ao envelhecimento;

  • O cuidar: autocuidado, autonomia e independência, lazer e ocupações terapêuticas, cuidados higiênicos e conforto, atividades físicas, respeito à capacidade funcional, medicação, nutrição, saúde oral, sono, segurança e fatores de risco;

  • Cuidados especiais;

  • Situações de risco, prevenção e cuidado;

  • Finitude e morte;

  • Direitos e deveres dos cuidadores de idosos;

  • Filmes sobre idosos;

    Estágios curriculares.

    CARGA HORÁRIA

    160 horas/aula (100 horas / teóricas / práticas) + (60 horas/práticas de estágio curricular)

    Horário das aulas: (Terças e Quintas) - Curso Online (Vídeo conferência)

    Tarde: de 15:00 as 17:00h

    Noite: de 18:00 as 20:00h

    FACILITADORA

    SÔNIA BARROS

    Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará - UFC;

    Pós graduação em Saúde do Idoso pela Universidade Estadual do Ceará - UECE;

    Pós graduação em Enfermagem Dermatológica pela Universidade Estácio de Sá;

  • Facilitadora de curso Técnico em Enfermagem em diversas disciplinas;

  • Responsável técnica pelo Curso Ana Nery.

    Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6181077991452800

  • CONSULTE O CALENDÁRIO DO CURSO CUIDADOR DE IDOSOS

    AULAS PRESENCIAIS SUSPENSAS ATÉ O FIM DO DECRETO GOVERNAMENTAL PARA AS ESCOLAS DE ENSINO PRESENCIAL

    TURMA DURANTE A SEMANA - TARDE (15:00 as 17:00h) (TERÇA E QUINTA)

    TURMA DURANTE A SEMANA - NOITE (18:00 as 20:00h) (TERÇA E QUINTA)

  • COMO FAZER SUA INSCRIÇÃO

  • Vagas limitadas, a 10 alunos por turma. Facilitando assim o aprendizado e otimizando a sedimentação do conhecimento, obedecendo o decreto governamental com o distanciamento social de 1,5m, uso de máscaras e alcool 70.

    Somente iniciaremos na data estipulada se tivermos no mínimo 10 alunos matriculados.

    Após recebermos seu Formulário de Inscrição entraremos em contato

    INVESTIMENTO TURMAS DE 160HORAS / AULA (PRESENCIAL)

    Valor do Curso: R$ 600,00 (parcelado no cartão de crédito) de (6X) somente no curso.

    Valor do Curso c/desconto: R$ 550,00 (pagamento somente em (TED / dinheiro ou débito)

    INVESTIMENTO TURMAS DE 160HORAS / AULA (ONLINE - VÍDEO CONFERÊNCIA)

    Valor do Curso: R$ 450,00 (parcelado no cartão de crédito) de (6X) somente no curso.

    Valor do Curso c/desconto: R$ 400,00 (pagamento somente em (TED / dinheiro ou débito)

    FORMAS DE PAGAMENTO

    Cartões (Débito ou Crédito - Também no Curso)

    Dinheiro (Somente no Curso)

    Transferência Bancária - Conforme dados abaixo

    PÚBLICO ALVO

    Profissionais e estudantes da área da saúde, cuidadores de idosos que não possuam certificação bem como quaisquer interessados.

    DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA

    Cópias dos seguintes documentos (Para quem vai iniciar)

    Carteira de Identidade

    CPF

    Comprovante de endereço

    CERTIFICAÇÃO

    Será fornecido pelo CURSO ANA NERY o Certificado de conclusão do Curso de Cuidador de Idosos ao aluno que obtiver média igual ou superior a 80% nos testes escritos e de 100% nos testes práticos.

    Todos os professores desta escola são Enfermeiros (Graduados) e regularmente inscritos no Coren/CE.

    MATERIAL DIDÁTICO

    O aluno(a) receberá gratuitamente todo material didático utilizado no curso.

 

"A Enfermagem é uma arte... E como arte, requer uma devoção tão exclusiva, um preparo tão rigoroso, como obra de qualquer pintor ou escultor. Mas o que é tratar de tela inerte ou do frio mármore comparado ao tratar do corpo vivo? É uma das mais belas artes, ou quase diria... A mais bela de todas!".

Florence Nightingale